Conecte-se conosco
PUBLICIDADE

Geral GritoMS

25/10 – Dia Mundial da Espinha Bífida e Hidrocefalia

Publicado

em

A Espinha Bífida é um termo utilizado para o disrafismo espinhal, ou seja, uma malformação congênita onde não há o fechamento do tubo neural e uma ou mais vértebras não se formam ou fundem corretamente, podendo expor a medula e demais estruturas. Dependendo da extensão da lesão, as sequelas podem ser leves a graves, desde alterações locomotoras, na bexiga e intestino â paralisia dos membros inferiores.
Dentre os tipos de espinha bífida, a mielomeningocele é um dos mais graves.
Estudos mostram que a suplementação com ácido fólico diminui a incidência, porém a recomendação é de que a mulher deve iniciar a suplementação meses antes de engravidar, devido a malformação ocorrer nas primeiras semanas de vida.

O mês de outubro é o mês amarelo e vermelho, de conscientização da Espinha Bífida e Hidrocefalia.
Durante a II Feira Cristã, evento promovido pela Feira Central, a Sra Cynthia Lescreck, líder da ABSAM de Campo Grande (Associação Brasileira Superando a Mielomeningocele) e mãe de um menino com lipomielomeningocele (um tipo de Espinha bifida), juntamente com as mães do grupo Mães e Mielos de MS, divulgaram sobre a Espinha Bífida para o público em geral, no stand montado para este fim.
O médico e vereador Dr. Jamal Salem esteve presente no local, prestigiando o grande evento e colocou seu gabinete à disposição para apoiar a causa.
“O Brasil ocupa o 4° lugar em incidência de Espinha Bífida. É uma incidência alta e precisamos colaborar,” disse o Dr. Jamal durante entrevista.

Para obter maiores informações sobre a mielomeningocele e demais tipos de Espinha bífida, entre em contato com Cynthia através do (67) 99139-5335.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook