Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Criado para ajudar pobres e desempregados durante a pandemia da covid-19, o auxilio emergencial foi pago a 18 candidatos milionários em Mato Grosso do Sul. De acordo com relatório do ministro Bruno Dantas, do Tribunal de Contas da União, outros 139 políticos receberam o benefício, apesar de terem patrimônio superior a R$ 300 mil.

No País, 10,7 mil candidatos receberam a ajuda de R$ 600, apesar do patrimônio incompatível, conforme reportagem do Correio Braziliense. Inicialmente, o Governo federal não impôs restrições ao valor do patrimônio para pagar o benefício. No entanto, ao prorrogar o valor em setembro, o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) determinou que “o auxílio emergencial residual não será devido ao trabalhador beneficiário que tinha, em 31 de dezembro de 2019, a posse ou a propriedade de bens ou direitos, incluída a terra nua, de valor total superior a R$ 300 mil”.

Fonte: Ojacaré

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Recentes no Site

Prefeitura de Campo Grande