Conecte-se conosco
PUBLICIDADE

Governo do Estado MS

Implementado na Agepan, PIX já é opção para muitas empresas no pagamento de taxas e outros débitos

Publicado

em

Campo Grande (MS) – Com dois meses de disponibilização pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos – Agepan, o PIX já é opção de pagamento utilizada por diversos prestadores de serviços públicos para quitação de débitos diversos. Desde o dia 1º de agosto, ao menos 14 operadores de transporte efetuaram pagamento por esse meio em um ou mais boletos. Taxas de fiscalização, de cadastro e de vistoria de veículos, multas, licenças de fretamento e qualquer outra do sistema de transporte de passageiros podem ser pagas com PIX.

A adesão à ferramenta é resultado de uma das principais ações de inovação implementadas pela nova gestão da Agência. O novo meio eletrônico e instantâneo de pagamentos e transferências criado pelo Banco Central do Brasil rapidamente se tornou um dos mais utilizados, e a Agepan decidiu implementar essa facilidade.

“A digitalização de pagamentos traz redução de tempo e de custo, e muita praticidade para o pagador. Nossa equipe trabalhou de forma competente para implementar o sistema e estamos aperfeiçoando. Acreditamos que a tendência é aumentar cada vez mais a adesão”, pontua o diretor-presidente da Agência, Carlos Alberto de Assis.

Praticidade para as empresas

A aposta na inovação está dando resultado, como avalia Valdir Pereira, presidente da Cooperativa de Transporte de Passageiros e Cargas Cidade das Águas – Cooper3, uma das empresas que mais têm utilizado o PIX. “Realmente nos ajudou muito. Já tínhamos discutido com a Diretoria de Transportes da Agepan sobre dificuldades que existiam com as guias tradicionais por não sermos correntistas do Banco do Brasil. A pandemia gerou ainda mais dificuldade de agendamento e programação de pagamentos. Essa nova via que surgiu facilitou bastante”, relata. Com ampla prestação de serviço de fretamento e o projeto de uma linha regular (Selvíria X Três Lagoas), a movimentação de pagamentos da Cooper3 é grande e, por isso mesmo, o impacto da facilidade é maior.

A Mérito é outra empresa que atribui ao PIX a facilitação no trabalho administrativo. Com um veículo e a perspectiva de em breve aumentar a frota, a operadora atua no ramo do fretamento em todas as regiões do estado. “Achei que foi ótimo, pois antes tínhamos que ir somente em [lojas] autorizadas do Banco do Brasil. Agora, essa facilidade ajudou a descomplicar nossa correria do dia a dia”, comemora o proprietário, Ewerton Marcelo Araújo.

Luiz Carlos Nogueira da Cruz, proprietário da LCN DA Cruz Transportes, confirma a satisfação com a praticidade do PIX para sua empresa, que trabalha com fretamento e locação de van com motorista. “Com certeza ficou prático e facilitou”, resume.

Aperfeiçoamento e inovação

Para garantir a nova praticidade aos pagadores, a área de Tecnologia da Informação da Agepan promoveu adequação no sistema e-financeiro, ferramenta que já tinha sido desenvolvida internamente, e a integração ao sistema financeiro do Banco do Brasil.

Assim, a ferramenta já conhecida e utilizada pelas empresas ficou adequada de forma simples para o uso do PIX, sem dificuldade para o pagador. “Ao acessar o ambiente que já era utilizado normalmente para emissão de boletos, a empresa vai encontrar facilmente a opção do PIX, com a visualização de um QR Code e informação da chave eletrônica na tela”, conta o coordenador de TI, Manoel Carlos de Souza

E o sistema está sendo melhorado para incluir o QR Code também nos boletos impressos. Assim, mesmo com a versão tradicional do boleto em mãos, o usuário ainda pode optar por pagar via PIX.

Publicado por: Gizele Oliveira

Fonte:https://www.agepan.ms.gov.br

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Facebook