Conecte-se conosco
PUBLICIDADE

Brasil

JURO(S) QUE É SIMPLES!

Publicado

em

A manchete desse texto é inspirada no livro do advogado Alceu A. H. Pacheco e, claro, se trata de uma ironia. Nada é mais indecifrável ao consumidor do que a lógica dos juros no Brasil. Por isso pagamos os financiamentos e empréstimos mais caros do mundo sem entender exatamente  porquê. 
    O economista e perito judicial, Newton Bandeira de Mello Golek avalia que os juros extorsivos praticados no país são tão nocivos que comprometem a viabilidade econômica do país.  Segundo Newton “cerca de 70% das falências no Brasil são referentes a dívidas bancárias e aos juros impagáveis” . E que o perfil parasita do nosso sistema financeiro tem causado o “fenômeno do superindividamento” que já preocupa o STF (Supremo  Triunal Federal ). 
    O problema é tão estrutural que já começa na graduação de profissionais da área onde o próprio ensino da matemática financeira está comprometido por se basear em falsas premissas. E mais o lobby fortíssimo dos bancos é contra essa correção de rumo. E também não só pela falta de educação financeira neste país (que deveria de ser obrigatória) como nas propagandas enganosas que induzem o consumidor ao erro.
      Contra esse poderoso stablishment se ergue um pequeno grupo de peritos financeiros, matemáticos e economistas que pretendem chacoalhar as estruturas do mercado financeiro brasileiro.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook