PREFEITURA DEVOLVE SONHOS E CAPACITA PESSOAS PARA O MERCADO FORMAL DE TRABALHO ATRAVÉS DO PROINC

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Com a finalidade de preparar o cidadão para o mercado de trabalho, gerar renda e ajudar na alimentação familiar, a Fundação Social do Trabalho (Funsat), encaminha pessoas em situação vulnerável para o Programa de Inclusão Social, mais conhecido como Proinc. O programa tem duração de 24 meses e o objetivo que após esse período o beneficiado seja recolocado ao mercado formal.

O Proinc visa proporcionar ocupação, qualificação profissional e bolsa-auxílio para cidadãos que tenham de 18 a 70 anos, desempregados há pelo menos seis meses, sem carteira assinada e com renda bruta familiar de até um salário mínimo e meio, proporcionando oportunidade, geração de renda e inserção no mercado de trabalho. Os trabalhadores do Proinc recebem um salário mínimo, vale-transporte, alimentação e cesta básica. É garantido um seguro de vida correspondente a 25 vezes o valor do salário mínimo para os casos de morte e até 50 vezes, em caso de invalidez e morte acidental. A Prefeitura também concede isenção de taxa de inscrições nos concursos realizados pela Prefeitura.

O diretor presidente Luciano Martins disse que o Proinc possibilita a pessoa inclusa no programa se capacitar para o futuro, saindo da situação de vulnerabilidade social e resgatando a dignidade.

“É sabido que o Programa de Inclusão Social, é de caráter temporário cuja a duração não ultrapassa 24 meses, entretanto aquele que se candidata a uma dessas vagas, tem a possibilidade de durante esse período se qualificar, capacitar, voltar a acreditar que o futuro é possível, saindo de uma situação de vulnerabilidade social, resgatando a dignidade e a autoestima. Nós temos alguns bons exemplos de superação e de pessoas que começaram no programa e hoje passaram a ser servidores públicos concursados, profissionais de outros ramos e atividades”, comenta Luciano Martins.

Foi o que aconteceu com a Verônica da Costa Santos de 49 anos. Às vésperas de concluir os 24 meses de Proinc, Verônica disse sentir que a oportunidade foi um divisor de águas na sua vida. “Meu tempo como Proinc está terminando e eu tenho muito o que agradecer, tanto na secretaria onde estou trabalhando, como também pelo acolhimento aqui na Funsat, estou até sem palavras. Hoje eu vejo que durante esse período eu tive a visão ampliada, e o mais interessante é que percebi que os meus colegas de trabalho também tiveram esse aprendizado, ainda mais em tempo de pandemia. A minha é algo melhor, pretendo mexer com vendas. Eu aproveito a renda do Proinc para investir nas vendas e continuar ganhando meu pão de cada dia, vendendo máscaras e outras coisas”.

O coordenador do setor de assistente social da Funsat, Odair Jose, falou que o sentimento de e sobretudo o caso específico dessa senhora que passou a empreender fazendo disso um impulso para alcançar o seu sonho. Então o programa cumpre seu papel na medida em que os nossos semelhantes se intendam na sociedade e busquem caminhos melhores para suas vidas”

“É um orgulho, a gente prestar esse serviço para sociedade sabendo que não apenas nesse momento de pandemia, mas antes também. O Proinc já vem fazendo a diferença na vida das pessoas, como a Verônica menciona, ela está usando o recurso dela para ser uma empreendedora, já pensando no futuro, ela vende máscaras e compra outros materiais para revenda, então além de complementar ela já tem uma visão mais ampla do mundo do negócio, para nós sabermos que a perspectiva da pessoa mudou e ampliou, é muito grande, não é só um programa que ‘mata a fome’, mas ele também ajuda a pessoa a realizar seus sonhos, e isso é uma satisfação muito grande”.

Fonte: http://www.campogrande.ms.gov.br/

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Recentes no Site

Prefeitura de Campo Grande