Conecte-se conosco
PUBLICIDADE

Emprego

MS tem a pior geração de empregos entre os estados do Centro-Oeste em abril, aponta Caged

Publicado

em

Mato Grosso do Sul teve o menor saldo na criação de empregos formais, entre os estados da região Centro-Oeste, no mês de abril, de acordo com os dados do Caged (Cadastro Geral de Empregados e Desempregados). Foram 2.586 vagas criadas em abril; sendo 29.060 admissões e 26.474 desligamentos. 

Empregos formais caged
Número de postos formais de trabalho criados nos estados do Centro-Oeste

O número é menos da metade do mês de março, em que havia sido registrada a criação de 5.522 vagas formais no Estado. No acumulado do ano, o Estado registra variação positiva (3,39%) com saldo de 19.068 vagas geradas no Caged

O setor que mais gerou vagas formais no mês de março, em Mato Grosso do Sul foi o de serviços com saldo de 1.038 vagas. Já a indústria teve resultado negativo com o fechamento de 335 postos formais. 

Dados Caged
Saldo do Caged em abril de 2022

A região centro-oeste registrou a criação de 25.598 vagas formais no mês de abril. O destaque foi o estado de Goiás com saldo de  13.166; seguido pelo Distrito Federal 5.480; Mato Grosso com 4.366 de vagas formais e, por fim, Mato Grosso do Sul com 2.586.

Nacionalmente, foram gerados 196,966 mil empregos com carteira assinada em abril deste ano. O número foi puxado pelo setor de serviços, com a criação de 117.007 postos formais, seguido pelo setor comércio, que abriu 29.261 vagas. A indústria criou 26.378 postos com carteira assinada em abril, enquanto houve um saldo de 25.341 contratações na construção civil. Na agropecuária foram fechadas 1.021 vagas no mês. 

As informações do Caged de abril deveriam ter sido divulgadas em maio. Porém, segundo o governo, a demora se deve a um atraso da Dataprev e necessidade de realizar um novo processamento de dados.

Fonte: midiamax

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Facebook