Conecte-se conosco

Emprego

Inscrições para cadastro de reserva no Programa de Inclusão ao Mercado de Trabalho (PRIMT) seguem até quarta-feira (26)

Publicado

em

A Prefeitura de Campo Grande, por meio da Fundação Social do Trabalho (Funsat), segue com inscrições para o cadastro reserva de trabalhadores no Programa de Inclusão ao Mercado de Trabalho (Primt). A triagem iniciada no último dia 19 com a distribuição de 50 senhas diárias, termina na próxima quarta-feira (26). O atendimento é realizado na sede da Fundação, localizada na Rua 14 de Julho, 992, na Vila Glória. Com duas mil e quinhentas vagas, o preenchimento dos beneficiários do Print é rotativo e para suprir as saídas de beneficiários, são lançados regularmente cadastros reserva.

“É um programa que dá certo, que funciona e que hoje possui toda a segurança jurídica e técnica necessária. A Funsat busca oferecer a essas pessoas condições para que, através de qualificação, possam ser reinseridas ao mercado de trabalho e consigam, por meio do emprego, gerar renda, prover o sustento de suas respectivas famílias e o resgate da dignidade”, destaca o diretor-presidente da Funsat, João Henrique Bezerra.

O Primt, antes chamado “Proinc”, passou por mudanças e se tornou-se mais moderno. Dentre os avanços, transparência total dos que são convocados nos editais de seleção e o acompanhamento mais próximo de cada beneficiário, por meio do trabalho de monitoramento constante da Prefeitura de Campo Grande. Políticas públicas transversais que integram a troca de informações entre a Funsat e outras pastas, tudo para um acolhimento completo do inscrito, o melhor reencaminhamento dele ao mercado de trabalho.

Poderão se inscrever para cadastro reserva os cidadãos com idade igual ou superior a 18 (dezoito) anos até 67 (sessenta e sete) anos; inscrito no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico) mediante apresentação da Folha resumo (que consta a composição familiar), Número de Identificação Social (NIS); estar em situação de desemprego por período igual ou superior a 06 (seis) meses; declarar residência no município de Campo Grande há, pelo menos 01 (um) ano (apresentar comprovante de residência) e possuir renda familiar per capita não superior a ½ (meio) salário mínimo vigente;

O programa segue regime de cotas, como os 5% do total para pessoas negras, 5% para PCD (Pessoas com Deficiência) e 5% para mulheres que passaram por violência doméstica. O inscrito no Primt recebe um salário mínimo de subsídio, uma cesta básica e alimentação nos dias de trabalho.

Só poderá se inscrever no Primt um membro por núcleo familiar. Poderá retornar uma única vez ao programa, o candidato que tiver o período mínimo de 06 (seis) meses entre o desligamento e o retorno, apenas para os trabalhadores que exercerem as atividades descritas nos incisos I,II,III,IV e V do Art. 2º.

O candidato deverá apresentar no momento da inscrição todos os seus documentos originais. Referente ao núcleo familiar deverá apresentar: documento dos filhos (certidão de nascimento ou RG e CPF), se casado no civil (certidão de casamento), se convivente (RG e CPF). Os documentos e declarações, citados anteriormente, deverão ser entregues no ato da inscrição, que serão scaneados.

Encontros com beneficiários das 23 pastas

O ciclo de capacitação dos beneficiários do Primt ocorre em auditórios da Prefeitura de Campo Grande até o início do mês de julho, recebendo, a cada edição, equipes do Primt de cada um dos órgãos do Executivo Municipal. As horas de aprendizado e orientações complementam uma carga-horária a que todos do programa estão submetidos para comprovação semestral.

Além da vivência remunerada em um órgão público, a Funsat cuida para que o beneficiário do Primt também se matricule na grade de cursos da Escola Funsat e assim melhore o seu desempenho para o retorno ao mercado de trabalho.

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Facebook