Com 100% de ocupação para pacientes com Covid-19, hospitais de Campo Grande ficam sem vagas de UTI no SUS

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Vagas de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) para pacientes com Covid-19 ficaram 100% preenchidas na tarde desta quarta-feira (29) nos Hospitais Regional, Universitário, Santa Casa e Pênfigo.

A situação de leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) em Campo Grande, chegou ao estado mais crítico desde o início da pandemia do novo coronavírus. Na tarde desta quarta-feira (29), 100% dos leitos de UTI do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para pacientes com Covid-19 na capital sul-mato-grossense, foram ocupados.

No Hospital Regional, os 87 leitos de UTI reservados para pacientes com a doença estão ocupados, o que também já aconteceu no último domingo (26) e obrigou o hospital a abrir mais quatro leitos de forma emergencial para atender pacientes em estado grave. Na Santa Casa, onde há 10 leitos para atendimentos a pacientes do SUS com Covid, todos estão ocupados. No Hospital Universitário Maria Aparecida Pedrossian, que inaugurou dez leitos na segunda-feira, todos também estão ocupados.

Os cinco leitos que foram inaugurados recentemente no Hospital do Pênfigo também estão ocupados. A Secretaria de Saúde de Campo Grande diz, no entanto, que tem duzentos-e-dezoito leitos de UTI na capital, contratualizados pelo SUS e que podem ser usados por paciente com Covid, se houver necessidade. Esses leitos também são usados para outras doenças.

De acordo com a assessoria da prefeitura, mais quatro leitos de UTI serão abertos no hospital regional ainda nesta quarta, e outros dez leitos serão abertos até a próxima sexta-feira, com respiradores que estão chegando. Já a Secretaria de Estado de Saúde (SES) disse que realiza a liberação de leitos de UTI transferindo pacientes não covid para outros hospitais . Com isso, a expectativa é de que nove leitos sejam liberados também nesta quarta.

Segundo a Secretaria de Estado de Saúde (SES), Mato Grosso do Sul atingiu a capacidade de ampliação de leitos de UTI. Ainda conforme a SES, a capital registra 9.291 casos de Covid-19 desde o início da pandemia, com 111 óbitos.

Fonte: Por G1MS e TV Morena

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on pinterest
Pinterest
Share on pocket
Pocket
Share on whatsapp
WhatsApp

Never miss any important news. Subscribe to our newsletter.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Mais Recentes no Site

Prefeitura de Campo Grande