Conecte-se conosco
PUBLICIDADE

Campo Grande

Vídeo: Polícia age no Damha e leva socialites

Publicado

em

Morador no Damha III foi preso em flagrante na madrugada deste sábado (15) após realizar mais uma “festinha” no condominio e incomodar os moradores. Fazem vários meses que ele é denunciado pelos vizinhos por fazer festas com aglomeração neste momento de pandemia.

As equipes policiais foram até o condomínio residencial por conta das denúncias contra o morador e empresário Aloisyo José Campelo Coutinho, de 43 anos.

No condomínio, as equipes constataram o som alto, e mediram com um decibelímetro, o volume  da banda que tocava na festa, sendo constatados até 61,1 decibéis, quando a potência permitida para o horário e região é de 45 decibéis.

Em torno de  20 pessoas estavam na casa, com carros estacionados na frente da residência. O cantor Paulo Roberto Savala da Silva, de 31 anos, que tocava acordeon, sanfona, violão e percussão, acabou sendo detido após desacatar os policiais enquanto os instrumentos eram apreendidos.

Ele responderá por infração de medida sanitária preventiva, desobediência, perturbação da tranquilidade e causar poluição sonora. Foi efetuado um auto de infração administrativo eaplicado uma multa de R$ 15 mil contra o infrator por poluição sonora.

A delegada Deborah Mazzola, da 3ª Delegacia de Polícia Civil, contou que a fiança arbitrada ao morador foi de 300 salários mínimos. Até a publicação da matéria, o valor ainda não havia sido pago.

O músico foi autuado por desacato e saiudepois de assinar o “Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO)” .

Fonte: JD1

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Facebook