Conecte-se conosco
PUBLICIDADE

Geral GritoMS

PSL quer cassar mandato do Capitão Contar

Publicado

em

No último dia 18, PSL nacional fez o pedido alegando “infidelidade partidária”

O Partido Social Liberal (PSL), ingressou nesta semana, com uma ação de perda de mandato eletivo, por infidelidade partidária, contra o deputado estadual Capitão Contar.

A ação assinada pelos advogados Flávio Unes Pereira e Marilda Silveira, de Brasília, ainda pede a declaração de desfiliação do parlamentar e a posse de sua suplente, Raquel Portioli. O partido deu entrada com a ação no Tribunal Regional Eleitoral de Mato Grosso do Sul (TRE-MS), na última terça-feira (18).

O TRE-MS determinou a reunião desta ação com a que foi proposta pelo deputado Capitão Contar contra o PSL, na qual ele pede o direito de se desfiliar do partido, sem perder o mandato.

Fonte: JD1

Continue lendo
Clique para comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Facebook